X

08Mrz

Angola defende Implementação dos Direitos civis e Políticos em Genebra

O ministro angolano da Justiça e dos Direitos Humanos, apresentou no Palácio Wilson o 2.º Relatório periódico sobre a implementação do Pacto Internacional dos Direitos Civis e Políticos em Angola, perante o Comité dos Direitos Humanos das Nações Unidas, baseada em Genebra.

Para além de Angola, nesta sessão, o Comité dos Direitos Humanos avaliou os relatórios periódicos da Estónia, São Vincente e Granada, Níger e Vietnam.

Esse é o 2.º Relatório Periódico que Angola apresenta no âmbito do artigo 40.º do Pacto Internacional dos Direitos Civis e Políticos. 

De acordo com o ministro Francisco Queirós, Angola tem uma Estratégia Nacional de Direitos Humanos que contou com a mais ampla participação da sociedade civil, e foi dada a conhecer aos parceiros do Governo em Direitos Humanos, como a União Europeia e os Estados Unidos da América. Uma estratégia que visa reforçar a capacidade interna dos angolanos para “promoverem, defenderem, fiscalizarem, corrigirem, denunciarem e condenarem os atropelos aos direitos humanos, de forma objectiva”

A elaboração da Estratégia Nacional de Direitos Humanos teve por base um diagnóstico da evolução  em três períodos fundamentais, designadamente antes da independência nacional, até 1975, período da guerra civil (1975-2002), período da paz, de 2002 até aos dias de hoje, concluiu o titular da pasta da Justiça e dos Direitos Humanos em Angola.

Acompanham o Ministro da Justiça e dos Direitos Humanos na apresentação do Relatório Periódico sobre a Implementação do Pacto Internacional dos Direitos Civis e Políticos em Angola, o Vice-Procurador-Geral da República, Luís A. da Mota Liz, o Secretário para os Assuntos Jurídicos e Judiciais do Presidente da República, Itiandro Simões, a Secretária de Estado de Estado para os Direitos Humanos e Cidadania, Ana Celeste Januário, a representante de Angola junto da Organização das Nações Unidas e outros Organismos Internacionais em Genebra, Margarida Izata, dentre outros.

Related

Nachrichten

DAS ANGOLANISCHE PARLAMENT

Öffnen
 

DIE NATIONALBANK VON ANGOLA

Öffnen
 

NUTZLICHE LINKS

Öffnen
 

Kontakts

Zeitpläne

Öffnungszeiten der BOTSCHAFT

Montag bis Freitag
09h00 - 13h00 / 14h30 - 16h30

KONSULARISCHE DIENSTE
Antragsannahme

Montag, Dienstag, Donnerstag und Freitag
9h30 – 12h30

Abgabe von Dokumenten

Montag, Dienstag, Donnerstag und Freitag
14h00 – 15h30