X

Notícias

06mai

Angola recebe USD 25 milhões para investigação da mandioca

Economia | | Return

A informação foi dada pelo coordenador do Programa de Produtividade Agrícola para a África Austral (APSA), Moniz Paulo Mutunda, quando procedia a apresentação do futuro Centro Regional de Liderança da mandioca da SADC, que Malanje vai acolher a partir de Outubro.

O responsável avançou que, para além de Malanje, as províncias do Huambo, Bié, Cuanza Sul, Namibe, Zaire, Luanda e Cabinda também vão beneficiar deste valor para construção de infra-estruturas e laboratórios, bem como formação de técnicos que vão trabalhar nos Centros de Investigação da mandioca das referidas regiões.

Referiu que o Centro de Investigação da mandioca de Malanje estará localizado no antigo polígono florestal, e se destinará à criação de condições para o aumento da produtividade da mandioca, em aproveitamento da sua tradição agrícola e consequentemente aumentar a renda das famílias camponesas.

O Centro Regional de Liderança da mandioca da Região da SADC, vai proporcionar as actividades de investigação agronómica em geração de pacotes tecnológicos e agregação de valores do referido tubérculo.

Precisou que o objectivo da criação do centro regional da mandioca em Malanje é de desenvolver a investigação e criar condições para que os agricultores tenham matérias e insumos próprios para ajudar na transformação da mesma.

Fez saber por outro lado que uma boa da parte da mandioca produzida em Angola, particularmente nas províncias do Zaire, Cabinda e Lunda Norte, é exportada para alguns países vizinhos de África como a República Democrática do Congo e a Zâmbia.

O responsável apelou ainda aos empresários locais e não só no sentido de apostarem mais na cultura da mandioca desde o seu processamento, produção e evacuação do produto para as grandes superfícies comerciais do país.

A apresentação do futuro Centro Regional de Liderança da mandioca da SADC, que estará baseada em Malanje, enquadra-se no primeiro salão da mandioca por ocasião da Feira Internacional de Malanje (Expo-Malanje), decorrida de 02 a 05 deste mês, nesta cidade.

A par disso, foram igualmente dissertadas palestras com os temas “Apresentação do Centro Regional de Liderança da Mandioca da SADC”, “ O Agronegócio da mandioca em Angola, Situação Actual e Perspectivas” e “ Processamento e Transformação da mandioca”.

Encerrada hoje (domingo), a Expo-Malanje contou com a participação de cerca de 150 empresas nacionais dos sectores da agricultura, banca, seguradora, comércio, indústria e turismo, para além de representantes de Portugal, Brasil, África do Sul e China, numa promoção governo de Malanje em parceria com a Eventos Arena.

Attachments

Related

PARLAMENTO DE ANGOLA

Visitar
 

BANCO NACIONAL DE ANGOLA

Visitar
 

LINKS ÚTEIS

Visitar