X

Notícias

05jun

Assinado acordo para maior inserção do gás na matriz energética

Economia | | Return

Um acordo de crédito para uma maior inserção do gás natural na matriz energética do país foi assinado, em Luanda, pelo Governo angolano e o Fundo de Financiamento Americano (NFE Internacional).

O acordo, rubricado pelo ministro dos Recursos Minerais e Petróleos (Mirempet), Diamantino Azevedo, pela parte angolana, e por Wesley Robert Edens, pela NFE Internacional, envolve também os ministérios da Energia e Águas (Minea) e o das Finanças (MINFIN).

Segundo o ministro Diamantino Azevedo, que falava na Conferência "Angola de Petróleo e Gás”, o objectivo do governo é que o gás tenha uma inserção significativa na economia de Angola.

A Conferência “Angola Petróleo e Gás” vai no seu segundo dia e conta com a participação das principais companhias petrolíferas de referência mundial.

Entre outros assuntos, o evento debateu, na manhã de hoje, temas como “O financiamento no sector petrolífero", "As mulheres na indústria de petróleo e gás" e "A monetização e a distribuição do gás no sector petrolífero”.

Attachments

Related

PARLAMENTO DE ANGOLA

Visitar
 

BANCO NACIONAL DE ANGOLA

Visitar
 

LINKS ÚTEIS

Visitar