X

Visto Privilegiado

Requerente
  • *
  • *
  • *
  • *
  • *
  • *
  • *
  • *
  • *
  • *
  • *
  • *
  • *
  • *
  • *
Residência
  • *
  • *
  • *
  • *
Contactos
  • *
  • *
Filiação
  • *
  • *
  • *
  • *
Estadia em Angola
  • *
  • *
  • *
  • *
  • *
  • *
  • *
  • *
  • *
  • *
  • *
Menores averbados no Passaporte e que beneficiarão do visto
Visto Privilegiado
  • *
  • *
  • *
Informações Complementares
  • *
  • *
  • *
  • *
  • *
Documentos
  • *
  • *
  • *
  • *
  • *
  • *
  • *

Nota

O visto privilegiado deve ser utilizado no prazo de sessenta dias, subsequentes à sua concessão e habilita o seu titular a múltiplas entradas e permanência até dois anos, prorrogável por iguais períodos de tempo. 

No caso de o pedido ser formulado em território nacional, o visto é concedido localmente mediante declaração emitida pela entidade competente encarregue da aprovação do investimento. 

O estrangeiro a quem for atribuído o visto privilegiado pode quando assim o requeira, solicitar autorização de residência. 

Aos possuidores de visto privilegiado dos tipos A e B pode ser atribuído o título de residência nos termos do artigo 83º da lei 2/07 de 31 de Agosto, sendo atribuído ao possuidor de visto privilegiado de tipo C, o título de residência correspondente ao artigo 82º da mesma Lei. 
Nº2,3,4 e 5 artigo 49º da Lei 2/07 de 31 de Agosto

Aviso

A partir do dia 12.04.17, toda a solicitação de visto de entrada para a República de Angola será antecedida de uma entrevista.

Pelo que, os requerentes deverão proceder a marcação das respectivas entrevistas por via de telefone, email, fax ou até mesmo presencialmente.