X

30Jul

Covid-19: Empreendedores inovam modalidade de venda

Economia | | Return

Com vista a fazer face ao actual momento de incertezas devido à Covid-19, os empreendedores em Malanje estão a optar pelas modalidades de venda ao domicílio e online, para manterem os negócios a níveis razoáveis.

Os empreendedores descrevem o actual quadro como sombrio e sem precedentes, exigindo maior criatividade e capacidade de reinventar-se, de modo a não sucumbirem e pôr em risco todo um investimento até então feito.

Em declarações à Angop os empreendedores descrevem a entrega ao domicílio e vendas online como sistemas de comércio “virgens” ao nível da província, que aos poucos estão a ser explorados para expandir os negócios.

Segundo Olímpio Cacusso, proprietário da Garagem Bar, voltada essencialmente para venda de “fast food”, desde que foi decretado o Estado de Emergência, a 27 de Março último, regista-se uma significativa baixa nas vendas, tendo em conta as limitações impostas pelas autoridades, a fim de evitar a propagação da Covid-19.

De lá para cá, relata, vê-se forçado a enveredar pela entrega ao domicílio de produtos, tendo em conta os condicionalismos em termos de presença de clientes no recinto.

Apesar de não avançar o valor dos rendimentos, a fonte garantiu que tal mecanismo tem surtido efeito e melhorado significativamente o volume de receitas.

Disse que muitos empreendedores não tiveram a mesma visão e acabaram mesmo por falir, tendo sublinhado que, em função disso, criou recentemente uma plataforma digital para ajudar outros comerciantes a divulgarem os seus produtos e subsistir face ao actual contexto.

A mesma estratégia de entrega ao domicílio foi adoptada pelo Restaurante Triângulo, conforme descreve o seu gerente António Campos, referindo que o número de clientes decaiu consideravelmente, pelo que a alternativa tem sido o Take Away, sendo por meio do qual que o estabelecimento vai conseguindo alguns clientes, embora com muitas dificuldades.

Contou que antes do surto da Covid-19, grande parte dos clientes eram turistas oriundos de Luanda e que agora estão impossibilitados de escalar a província, por conta da cerca sanitária.

Por sua vez, a responsável de Marketing do Snackbar “Spar e Salão de Beleza Telma Fashion”, Daniela Jorge, frisou estarem muito focados no segmento de vendas online, através das redes sociais, de modo a aproximar os seus serviços aos potenciais clientes, sem descartar a entrega ao domicílio dos produtos do snack bar.

Considerou o Estado de Emergência como sendo o período que mais entregas registou, tendência esta que abrandou com o ligeiro desconfinamento, resultante da entrada em vigor do Estado de Calamidade Pública.

Attachments

  1. download-22.jpg 30.07.2020 22:43:04

Related

 
Hinweise Konsulat

Dass wir von nun an bei konsularischen Angelegenheiten das Thermometer zur Temperaturmessung verwenden werden. Es sei darauf hingewiesen, dass die Maßnahme die obligatorische Verwendung der Maske, Desinfektionsmittel (Alkohol-Gel) sowie den Abstand von mindestens eineinhalb Metern im Kontakt zwischen den Personen nicht aufhebt.

Mit der Hoffnung auf bessere Tage verabschieden wir uns herzlich.

Berlin, 22. Juni 2020
Beschwerden und Konsultationen des Konsularsektors +491602019523

Nachrichten

DAS ANGOLANISCHE PARLAMENT

Öffnen
 

DIE NATIONALBANK VON ANGOLA

Öffnen
 

NUTZLICHE LINKS

Öffnen
 

Kontakts

Zeitpläne

Öffnungszeiten der BOTSCHAFT

Montag bis Freitag
09h00 - 13h00 / 14h30 - 16h30

KONSULARISCHE DIENSTE
Antragsannahme

Montag, Dienstag, Donnerstag und Freitag
9h30 – 12h30

Abgabe von Dokumenten

Montag, Dienstag, Donnerstag und Freitag
14h00 – 15h30