X

Notícias

16jul

Fazenda Santo António duplica produção de carne suína

Economia | | Return

A Fazenda Santo António, localizada no município da Quibala, na província do Cuanza Sul, pretende, partir deste ano, duplicar a sua produção de carne suína, passando das actuais 20 mil para 40 mil toneladas/ano.

De acordo com o administrador da referida Fazenda, Jose Alexandre, que falava hoje em entrevista à Angop, a aposta nesse sector visa essencialmente abastecer o mercado nacional e participar activamente no processo de diversificação da economia e redução da importações.

Segundo o gestor, o aumento da produção será resultado das 800 porcas em procriação.

A par da criação de suínos, a fazenda conta também com uma área de reprodução do gado bovino (vaca) com um total de mil e 500 cabeças, contra os 400 animais da sua fase inicial e engorda de dois mil vitelos/ano.

De 2016 até agora a fazenda já gerou 400 novos postos de trabalho, na sua maioria para  angolanos.

Em função dos resultados já alcançados e tendo em conta o cronograma de actividades, a fazenda tem uma área cultivada de dois mil hectares, com uma fábrica de ração e outra de fuba.

“Vamos produzir e fornecer matéria-prima para que haja produção de galinhas, possibilidade de engorda de bovinos que já são mil e 300 cabeças/ano”, referiu o empresário.

José Alexandre entende que todos aqueles com alguma capacidade financeira devem também investir na agricultura e pecuária, porque Angola precisa que este sector se desenvolva para estar menos dependente de divisas e das importações.

Por outro lado, o empresário defendeu a necessidade de projectos como este e outros à sua volta tenham energia eléctrica da rede, para reduzir os custos de produção e a consequente a baixa de preços.

Attachments

Related

 
Avisos Consulado

Pela presente, o Sector Consular da Embaixada de Angola na República Federal da Alemanha, informa que, doravante, no acto de tratamento de questões de natureza consular, procederemos ao uso do termómetro de medição da temperatura. Importa referir, que a medida em referência, não retira o uso obrigatório da máscara,  desinfectantes (Álcool-Gel), bem como o distanciamento de pelo menos de um (1) metro e meio no contacto com as pessoas .

Augurando por dias melhores, cordialmente nos despedimos.

Berlim, aos 22 de Junho de 2020.-  

Reclamções e consultas do Sector Consular  ligar para +491602019523

PARLAMENTO DE ANGOLA

Visitar
 

BANCO NACIONAL DE ANGOLA

Visitar
 

LINKS ÚTEIS

Visitar