X

Notícias

11abr

Angola quer mais investimento alemão no Sector energético

| Return

O Ministro da Energia e Águas, João Baptista Borges participou de 9 a 10 a Abril no Diálogo de Transição Energética de Berlim 2019, com o enfoque sobre a “Geopolítica na éra das energias renováveis”.

Angola veio à busca de parcerias e captação de financiamentos, que visam melhorar a produção e distribuição de energia, o abastecimento de água às comunidades mais recônditas, bem como mitigar a seca no Sul do país.   

Durante a estada em Berlim, o Ministro co-presidiu com a Secretária de Estado das Relações Exteriores, a mesa redonda sobre parceria de energia angolano-alemã, promovida pela Afrika Verein, tendo apresentado “Os Marcos e Opções Futuras do Sector Energético Angolano”.  

A Alemanha quer participar activamente no processo de desenvolvimento de Angola e para isso quis auscultar as reais necessidades do sector energético.o que deu lugar a encontros bilaterais com a Secretária de Estado do Ambiente, Schawarzelühr -SUTTER e com o Director de Departamento de Águas Subterrâneas, Thomas Himmelsbach.

À margem das conferências, a delegação angolana reuniu com vários grupos empresariais alemãs e não só, que possuem tecnologia de ponta e se predispõem a formar os angolanos, com a construção de centros nos projectos em execução.

Foram também efectuadas visitas às empresas do ramo, como a Academia RENAC, um dos principais centros de treinamento em energia renovável e eficiência energética, a Sunfarming e a fábrica de turbinas à gás da Siemens. 

O ministro fez-se acompanhar pelo Embaixador de Angola na República Federal da Alemanha, Alberto Correia Neto, pelos Directores Carlos Gil, Kiala Pierre e José Salgueiro, responsáveis pelos gabinetes de Intercambio Internacional, Planeamento Estratégico e Estatística e funcionários da missão diplomática em Berlim.


 

 

 

 

Attachments

  1. 20190409_091131.jpg 12/04/2019 21:29:00

Related

 
Avisos Consulado

Pela presente, o Sector Consular da Embaixada de Angola na República Federal da Alemanha, informa que, doravante, no acto de tratamento de questões de natureza consular, procederemos ao uso do termómetro de medição da temperatura. Importa referir, que a medida em referência, não retira o uso obrigatório da máscara,  desinfectantes (Álcool-Gel), bem como o distanciamento de pelo menos de um (1) metro e meio no contacto com as pessoas .

Augurando por dias melhores, cordialmente nos despedimos.

Berlim, aos 22 de Junho de 2020.-  

Reclamções e consultas do Sector Consular  ligar para +491602019523

PARLAMENTO DE ANGOLA

Visitar
 

BANCO NACIONAL DE ANGOLA

Visitar
 

LINKS ÚTEIS

Visitar