X

Notícias

06mai

Angola recebe USD 25 milhões para investigação da mandioca

Economia | | Return

A informação foi dada pelo coordenador do Programa de Produtividade Agrícola para a África Austral (APSA), Moniz Paulo Mutunda, quando procedia a apresentação do futuro Centro Regional de Liderança da mandioca da SADC, que Malanje vai acolher a partir de Outubro.

O responsável avançou que, para além de Malanje, as províncias do Huambo, Bié, Cuanza Sul, Namibe, Zaire, Luanda e Cabinda também vão beneficiar deste valor para construção de infra-estruturas e laboratórios, bem como formação de técnicos que vão trabalhar nos Centros de Investigação da mandioca das referidas regiões.

Referiu que o Centro de Investigação da mandioca de Malanje estará localizado no antigo polígono florestal, e se destinará à criação de condições para o aumento da produtividade da mandioca, em aproveitamento da sua tradição agrícola e consequentemente aumentar a renda das famílias camponesas.

O Centro Regional de Liderança da mandioca da Região da SADC, vai proporcionar as actividades de investigação agronómica em geração de pacotes tecnológicos e agregação de valores do referido tubérculo.

Precisou que o objectivo da criação do centro regional da mandioca em Malanje é de desenvolver a investigação e criar condições para que os agricultores tenham matérias e insumos próprios para ajudar na transformação da mesma.

Fez saber por outro lado que uma boa da parte da mandioca produzida em Angola, particularmente nas províncias do Zaire, Cabinda e Lunda Norte, é exportada para alguns países vizinhos de África como a República Democrática do Congo e a Zâmbia.

O responsável apelou ainda aos empresários locais e não só no sentido de apostarem mais na cultura da mandioca desde o seu processamento, produção e evacuação do produto para as grandes superfícies comerciais do país.

A apresentação do futuro Centro Regional de Liderança da mandioca da SADC, que estará baseada em Malanje, enquadra-se no primeiro salão da mandioca por ocasião da Feira Internacional de Malanje (Expo-Malanje), decorrida de 02 a 05 deste mês, nesta cidade.

A par disso, foram igualmente dissertadas palestras com os temas “Apresentação do Centro Regional de Liderança da Mandioca da SADC”, “ O Agronegócio da mandioca em Angola, Situação Actual e Perspectivas” e “ Processamento e Transformação da mandioca”.

Encerrada hoje (domingo), a Expo-Malanje contou com a participação de cerca de 150 empresas nacionais dos sectores da agricultura, banca, seguradora, comércio, indústria e turismo, para além de representantes de Portugal, Brasil, África do Sul e China, numa promoção governo de Malanje em parceria com a Eventos Arena.

Attachments

Related

 
Avisos Consulado

Pela presente, o Sector Consular da Embaixada de Angola na República Federal da Alemanha, informa que, doravante, no acto de tratamento de questões de natureza consular, procederemos ao uso do termómetro de medição da temperatura, o uso obrigatório da máscara,  desinfectantes (Álcool-Gel), bem como o distanciamento de pelo menos de um (1) metro e meio no contacto com as pessoas .

Augurando por dias melhores, cordialmente nos despedimos.

Berlim, aos 22 de Junho de 2020.-  

Reclamções e consultas do Sector Consular  ligar para +491602019523

PARLAMENTO DE ANGOLA

Visitar
 

BANCO NACIONAL DE ANGOLA

Visitar
 

LINKS ÚTEIS

Visitar