X

Notícias

10mar

Médicos marroquinos operam mais de 500 pacientes

Social | | Return

Quinhentos e onze pacientes angolanos beneficiaram, recentemente, de cirurgias diversas gratuitas realizadas por médicos marroquinos, no Hospital Geral de Luanda, durante cinco dias. As cirurgias nas especialidades de otorrino, oftalmologia, urologia, ginecologia, cirurgia geral e pediátrica foram realizadas no âmbito de uma parceria entre o Gabinete da Primeira-Dama e a fundação SAHAM.

Em declarações à imprensa, no final de um encontro entre a primeira-dama da República de Angola, Ana Dias Lourenço, e a equipa de médicos marroquinos, o porta-voz do Ministério da Saúde, Agostinho Matamba, disse hoje que as sessões de cirurgia começaram domingo (1) e duraram cinco dias.

Agostinho Matamba considerou positivo o balanço das cirurgias, uma vez que foi cumprida a estimativa inicial, de atender apenas 500 doentes, na sua maioria crianças.

Sublinhou que a maior parte das cirurgias foram de pediátrica (145) e em menor número as operações na especialidade de urologia (26).

Agostinho Matamba, sem precisar datas exactas, anunciou a realização, este ano, de uma outra campanha similiar, na província do Cuando Cubango.

Por sua vez, o cirurgião pediátrico marroquino Youncs Alichane considerou a iniciativa enriquecedora e satisfatória, no quadro da cooperação do sector da saúde entre os dois países.

Ressaltou que durante a sua estada em Luanda aproveitou para trocar experiência com médicos angolanos, facto que considerou proveitoso.

Manifestou ainda vontade e disponibilidade de regressar a Angola para efectuar trabalhos do género.

Nesta missão, participaram 22 médicos-cirurgiões marroquinos, auxiliados por 28 especialistas angolanos.

Além das cirurgias, os profissionais realizaram ainda 922 consultas, facto que permitiu reduzir o número de pacientes das listas de espera para operações médicas complexas.

A selecção dos pacientes foi feita, previamente, por especialistas nacionais das diferentes unidades hospitalares da província de Luanda.

A Fundação SAHAM tem o objectivo atender às populações mais vulneráveis.

Através da sua plataforma “Agir pela Saúde”, a fundação realiza caravanas cirúrgicas regularmente no Reino de Marrocos, Senegal e Gabão.

Attachments

Related

 
Avisos Consulado

Pela presente, o Sector Consular da Embaixada de Angola na República Federal da Alemanha, informa que, doravante, no acto de tratamento de questões de natureza consular, procederemos ao uso do termómetro de medição da temperatura. Importa referir, que a medida em referência, não retira o uso obrigatório da máscara,  desinfectantes (Álcool-Gel), bem como o distanciamento de pelo menos de um (1) metro e meio no contacto com as pessoas .

Augurando por dias melhores, cordialmente nos despedimos.

Berlim, aos 22 de Junho de 2020.-  

Reclamções e consultas do Sector Consular  ligar para +491602019523

PARLAMENTO DE ANGOLA

Visitar
 

BANCO NACIONAL DE ANGOLA

Visitar
 

LINKS ÚTEIS

Visitar