INDUSTRIALIZAÇÃO DE ANGOLA APONTADA COMO O DESAFIO DA DÉCADA

Mar 24, 2021

O Ministro da Indústria e Comércio, Victor Fernandes, participou no Fórum Indústria que teve lugar no dia 19 de Março em Luanda, uma realização do jornal Expansão, subordinado ao lema: ”Industrialização do país, o desafio da década”.

O Ministro, que proferiu o discurso de abertura, fez saber que desde Agosto de 2020, está sob análise dos industriais, em fase de consulta pública, a Proposta do Plano de Desenvolvimento Industrial de Angola no horizonte 2025 – PDIA 2025 – até ao dia 30 de Março, data em que será levado a cabo um acto público de apresentações recolhidas.

Victor Fernandes afirmou que o Executivo angolano continua a trabalhar no processo de industrialização do país, criando assim bases para desenvolver a produção industrial dos produtos da cesta básica, mediante a potencialização de micro e pequenas indústrias e, também, passos significstivos têm sido dados no fomento de grandes indústrias de vários sectores, com maior capacidade de gerar empregos e riquezas.

”O financiamento aos projectos industriais continua a ser um dos grandes desafios ao desenvolvimento da actividade industrial”, acentuou o reponsável.

De acordo com o Director-Geral do Instituto de Desenvolvimento Industrial de Angola – IDIA, Dário Camati, ”a visão do governo está centrada numa indústria moderna, inovadora, competitiva e sustentável, para que em 2025 consigamos elevar o PIB industrial até 9%, apeasra de terem sido projectadas antes da pandemia, mas, vamos nos adaptando”, disse.

Dári Camati acresceu que há projectos a curto e médio prazos. ”Vamos trabalhar no sentido de incentivar as indústrias a trabalharem com os 25 produtos que estão na lista do PRODESI, entretanto, reconhecemos que os seguimentos da indústria petroquímica, dos seus derivados, assim como, dos recursos minerais e pedras ornamentais, carecem de aperfeiçoamento no sentido de serem alavancadas.

Saiba mais aqui.

AVISO: Devido à pandemia Covid-19, visite-nos apenas com marcação prévia: +49 30 240 89 70. Se vai viajar para Angola, consulte Formulário de Registo de Viajem